Mais de 70% do organismo humano é composto por água, que é o principal o combustível para o bom funcionamento do corpo

Mesmo com tanta informação sobre a importância da hidratação e consumo de água para o bom funcionamento de nosso organismo, estudos revelam que mais de 50% das pessoas não consomem a quantidade diária recomendada. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cada indivíduo deve ingerir, em média, dois litros de água por dia.

Uma pesquisa realizada pelo National Institutes of Health (NIH), nos Estados Unidos, contou com a participação de cerca de 15,7 mil pessoas entre 45 e 66 anos, que foram acompanhadas durante 25 anos. A hipótese do levantamento foi inspirada por estudos anteriores, realizados com camundongos. Nesses roedores, a restrição de água ao longo da vida aumentou os níveis de sódio sérico em 5 mmol/l, causando alterações degenerativas e encurtando o tempo de vida em seis meses, o que corresponde a cerca de 15 anos da vida humana. O estudo do NIH demonstrou que o nível de sódio no sangue era maior entre pessoas que não se hidratavam bem e, com isso, os cientistas concluíram que pessoas cujo sódio sérico na meia-idade excede 142 mmol/l têm maior risco de:

  • Serem biologicamente mais velhas que suas idades cronológicas (50%);
  • Desenvolverem doenças crônicas (39%);
  • Morrerem mais jovens (21%).

Coordenadora de nutrição e dietética pelo São Cristóvão Saúde, Cintya Bassi ressalta a importância do consumo de água: “Ela participa de praticamente todas as funções, sendo essencial a todos os tecidos corporais e fundamental no transporte e diluição de diversas substâncias, além de macro e micronutrientes, auxiliando também no processo de digestão, absorção e excreção. Auxilia ainda a eliminação de toxinas e filtração renal”, enfatiza. De acordo com a especialista, para saber a quantidade certa para cada pessoa, a conta seria 35 ml para cada kg de peso. “Apesar do parâmetro, a recomendação pode ser ainda mais individualizada se levar em conta fatores como clima, idade e sexo, sendo que quanto mais envelhecemos, menos água corporal temos e mais vulneráveis a perda ficamos”, acrescenta.

Dessa forma, uma pessoa cujo peso é 70 kg precisa de 2450ml de água ao dia. “Essa quantidade total pode ser composta por água, água de coco, água com gás, água saborizada, suco natural e chás”, sugere Cintya. Além disso, outro meio de reforçar a hidratação é “comendo” a água: “Nesse sentido, os alimentos que mais ajudam são melancia, morango, pêssego, framboesa, abacaxi, pepino, abobrinha, tomate, cenoura, alface, espinafre e repolho”, finaliza a especialista.

Água é vida em nosso corpo. Se policie para adotar cada vez mais esse hábito em sua rotina e, consequentemente, seu consumo ficará cada vez mais natural.